segunda-feira, 25 de julho de 2011

Fondue de Peixe na Pedra

Hoje não vos trago propriamente uma receita mas sim uma sugestão. 
À um tempo atrás eu e o meu "Sarinho" comprámos uma pedra de grelhar (Pingo Doce por cerca de 10€) e até chegamos a pensar que talvez não fossemos usar muito mas não usamos bastante.
A pedra tem duas lamparinas que funcionam a álcool, e se queremos um resultado mais rápido devemos acender as lamparinas um tempo antes para a pedra aquecer ou então aquecê-la no forno (coisa que nunca fiz por medo de me queimar a tirar a pedra do forno ou assim). 
A PEDRA (com uma tábua por baixo para não ficar em contacto directo com a mesa).


Nesta refeição usei Perca do Nilo e para entrada fiz umas Ameijoas à Bolhão Pato.
Quando compro peixe para este fim tento sempre escolher postas mais grossas ou a parte do rabo, isto porque não coloco a posta de peixe na pedra. 
Costumo comprar diversos peixes para grelhar aqui mas os mais frequentes são o salmão, o tamboril e a perca do nilo.
Quando compro o peixe eu congelo-o um bocadinho até ficar rijinho mas ainda maleável, depois com uma faca bem afiada corto o peixe em fatias fininhas e congelo de novo. Eu tenho uma fiambreira mas nem sempre me apetece estar a desarrumá-la e depois a limpá-la mas às vezes também corto o peixe lá. 
Costumo também fazer com camarões e descasco-os, mas não tiro a cabeça, quando são muito grandes corto-os ao meio.
O Peixe cortado fininho, neste caso Perca do Nilo temperada com sal e um pouco de pimenta.
É uma refeição óptima para quando recebemos alguém porque não há aquela preocupação que a comida arrefece e só nos temos que preocupar com os acompanhamentos.
Normalmente quando faço fondue de peixe acompanho com batatas cozidas e faço um molho de azeite, vinagre, alho e salsa picada para temperar. 
Faço também o tão nosso amigo molho de alho e salsa e às vezes molho cocktail principalmente quando há camarões.

Tudo a postos para o fondue, o azeite temperado e o molho de alho e salsa, agora só falta assar o peixe.


Se aquecermos bem a pedra antes o peixe grelha num instante, o que aconselho é que quando puserem as batatas ao lume acendam logo a pedra, sempre com uma tábua ou algo assim por baixo para evitar danificar a mesa. Nunca encham as lamparinas até assim porque se não elas entornam para fora.

Aqui o peixe pronto e já a grelhar.
Por fim, vai tudo para a o pratinho e comemos.
Gosto imenso das refeições feitas na pedra, não são usadas qualquer tipo de gorduras para cozinhar e fica sempre muito bom, não há hipótese de sair mal. 
Agora deixo-vos a foto do meu pratinho.
Fondue de Perca do Nilo Grelhada com Batatas Cozidas e Ameijoas à Bolhão Pato.

Aconselho a experimentarem, em breve trarei mais sugestões de utilizações para a pedra.
E vocês também usam esta pedra??? Qual é a vossa experiência???
Espero que tenham uma óptima semana.
Beijinhos*

26 comentários:

  1. Uma bela sugestão, gostei...

    Tenho uma pedra igualzinha, mas já não a uso a muito tempo...

    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Olá Sara,
    Esta sugestão agradou-me bastante, Quando encontrar acho que também vou trazer uma para casa :)
    Ficou uma bela e saborosa refeição.
    Beijinhos

    http://inventurasnacozinha.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Gostei muito das sugestões. Obrigado.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Que excelente sugestão Sarinha, adorei.
    Tenho uma pedra igual mas nunca me tinha lembrado de lá grelhar peixe.
    Fantástico.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  5. Eu tambem tenho uma pedra dessas e nunca a usei!!!! É uma boa sugestão a do peixinho.

    ResponderExcluir
  6. Sarinha,
    Que bela sugestao amiga... Tenho uma aqui que trouxe de Portugal aos anos, só usei ainda para carnes. Vou ter que experimentar com peixe. Ficou com um aspecto delicioso : )

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  7. Que boa sugestão!
    A minha mãe tem uma e aquece a pedra no fogão, para não demorar tanto tempo, depois é só manter a temperatura com as lamparinas.

    Bjs

    ResponderExcluir
  8. Sara, gostei muito da tua comidinha...um beijinho.

    ResponderExcluir
  9. Cá em casa é costume fazer-se a versão raclette, mas com carnes.

    ResponderExcluir
  10. Olá! Ofereceram-me há anos uma pedra muito parecida à tua. Infelizmente nunca tive coragem para a usar. Neste momento está tão bem arrumada que não sei onde a coloquei e depois de ver este descritivo no teu blog fico com pena de não a ter aqui à mão.
    O peixe costuma ficar colado à pedra ou descola-se bem?
    É uma refeição bem saborosa, com sabor a mar.
    Um beijinho
    Patrícia

    ResponderExcluir
  11. Olá

    Gostei muito desta ideia. Já andei a olhar para estas pedras mas ainda não comprei. Gostei mesmo muito desta ideia.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  12. Olá Sarinha
    Estas refeições feitas na pedra e como bem dizes, saem sempre uma maravilha!! Eu adoro fazer este tipo de cozinhados na pedra, normalmente faço com carne, camarão, alguns legumes (courgettes, pimentos, cogumelos, etc...). Nunca me tiha ocorrido fazer com este peixe e parece-me ficar bem BOM...Vou ter de experimentar esta aventura muito brevemente...O teu pratinho ficou com um aspecto divino e com as amêijoas a acompanhar, uuiiii...
    Acho que vou ter de trocar o teclado, eheh!! Um refeição nutritiva e super saborosa! Adorei, amiga!
    Um beijinho

    ResponderExcluir
  13. Olá Sarinha!

    Gostei muito da tua sugestão e como estou a pensar em comprar um grelhador novo talvez opte pelo da pedra.:)

    Boa semana!
    Beijinhos da Formiguinha

    ResponderExcluir
  14. Sarinha querida

    Super criativo, fondue de peixe na pedra nunca tinha visto. Ficou lindo seu prato.

    Vim também para agradecer seu sempre carinho lá no Caldeirão.

    beijos e boa semana

    ResponderExcluir
  15. Este teu pratinho está magnífico!
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  16. parabens ficou uma refeiçao muito gostosa gostei muito beijinhos

    ResponderExcluir
  17. Sarinha,

    Também tenho uma pedra igual , já comprei à anos mas nunca fiz fondue de peixe, faço sempre de carne ou marisco e adoramos uma sugestão muito boa, bjs e boa semana!

    ResponderExcluir
  18. Olá Sarinha. OBRIGADA por teres ido ao receitasaodesafio responder à pergunta que te tinha feito sobre se o peixe tinha tendência para ficar colado na pedra. Na realidade, se ela estiver bem quente o peixe deve selar logo e depois com a libertação de alguma gordurinha solta-se. Agora só tenho de encontrar a minha pedra.
    Uma boa semana!
    Patrícia

    ResponderExcluir
  19. muito fixe amiga...fica um comerzinho muito elegante...bjokinhass

    ResponderExcluir
  20. Que bacana essa pedra Sarinha, tenho uma pedra assim em casa, porém não tem os pézinhos e nem as alçinhas pra poder pegá-la sem se queimar, adoraria fazer comidinhas encima dela, mas creio que não dará certo minha invenção com sua bela sugestão, pois a sua é própria pra isso, enfim...adorei seu pratinho, ficou super bonito e certamente delicioso...beijinhos

    ResponderExcluir
  21. Ola! Podem me ajudar? Comprei esse grelhador, mas a chama nas lamparinas passando um minuto em baixo da pedra apaga se.. O que eu faço mal?
    Uso um pouco de gel

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom Dia! :)
      Eu não uso álcool em gel porque acho que ele falha muito. Mas das experiências que tive e que resultou comigo foi deixar os buracos à volta da saída da lamparina abertos! Encho a lamparina mais ou menos a meio e costuma dar até ao fim mas como lhe digo normalmente uso álcool normal! Mas é mais perigoso. :)

      Excluir
  22. Boa noite, alguém pode me indicar onde comprar a pedra com o suporte?? obrigado!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Andrei, a pedra é fácil de encontrar. No supermercado pingo doce vendem. No continente também. Já vi nas lojas espaço casa e na loja casa dos centros comercias! :)
      Espero ter ajudado. Cumprimentos.

      Excluir
  23. Gostaria muito de uma pedra dessa com suporte...sou de Sao Paulo, e não seiii o de encontrar...
    Alguem pode me indicar

    ResponderExcluir
  24. Gostaria muito de uma pedra dessa com suporte...sou de Sao Paulo, e não seiii o de encontrar...
    Alguem pode me indicar

    ResponderExcluir