sexta-feira, 24 de abril de 2015

1# Acompanhamentos para quem não quer arroz/batatas/massa: Ovos Mexidos com Agriões e Cogumelos!



Começou a saga aqui no blog de preparar acompanhamentos menos ricos em hidratos de carbono. Depois do sucesso do livro da Dra. Ágata Roquette, "A Dieta dos 31 Dias", comecei a ficar mais interessada por estes assuntos que até lá me passavam ao lado.

Na verdade, não foi só isso. A balança começa a mostrar uns números estranhos que nós não gostamos hoje, ontem e amanhã. Aqui o rabiosque começa a ficar mais empinado (não que isso seja mau) e tudo começa por aí. 
Depois vem a questão da saúde. Começamos a deixar de ser adolescentes, as coisas demoram mais a voltar ao lugar. E por aí fora.

Então como já vos tinha falado por aqui, eu fiz esta reeducação alimentar (não sou fã da palavra dieta porque acho que desmotiva) e deu realmente resultado. Nunca tive fome, diverti-me a fazer coisas novas (só para mim porque o meu Sarinho parece que foi ele próprio que escreveu o livro) e fui começando a conhecer os alimentos e os seus benefícios. 

Claro que cada pessoa é diferente e por ter resultado comigo não quer dizer que resulte com toda a gente porque cada pessoa tem diferentes necessidades enérgicas e alimentares.
Não pensem que estou aqui uma top model porque longe disso mas consegui mandar embora alguns kilos e sobretudo aprendi sobre os meus limites. Não quero atingir a dita "perfeição" só quero sentir-me bem. Ninguém é perfeito e as pessoas são exigentes de mais. O que vemos na televisão, internet e revistas nem sempre é o correspondente à realidade e há muito quem se foque nisso. Devemos aprender a aceitar-nos. 

Quando sinto necessidade disso corto nos hidratos de carbono mas não totalmente porque eles também são necessários.

Como tal, pensei em partilhar convosco o que como quando não quero comer arroz, batatas e massas. Estes ovos são deliciosos, muito fáceis de fazer, já os comi a acompanhar ou mesmo como refeição principal.

O que fazem por aí quando querem mandar embora aqueles kilos que aparecem sem avisar?
Um beijinho*

Ovos Mexidos com Agriões e Cogumelos

O que faz falta:

- 1 Fio de Azeite
- 2 Dentes de Alho
- 100 gr. de Agriões frescos (usei baby)
- 100 gr. de Cogumelos Frescos
- Sal e Pimenta Preta q.b.
- 5 Ovos
- 1 Colher (sopa) de Sementes de Sésamo



Como Fazemos:

1. Aquecemos o azeite com os alhos durante uns minutos. Adicionamos os agriões e salteamos até que percam um pouco o volume. 

2. De seguida, juntamos os cogumelos laminados e temperamos com um pouco de sal. Deixamos cozinhar até que ganhem cor. 

3. Adicionamos os ovos batidos, temperamos com mais um pouco de sal e pimenta. Mexemos sempre até que os ovos estejam cozinhados ao ponto. 

4. Retiramos do lume e dispomos num prato. Polvilhamos com sementes de sésamo. Servimos quente como acompanhamento, petisco ou prato principal.

20 comentários:

  1. já li o livro e aliás já segui o livro quase á risca, e ajudou me mesmo, e ainda continuo a fazer algumas coisas, e ovos era algo que comia bastante, infelizmente ainda não tinhas publicado esta receita que tem um aspeto delicioso, mas que irei fazer de certeza.

    ResponderExcluir
  2. Olá Sarinha, ainda bem que não sou a única a ter este dilema na minha cozinha :-) a típica massa, arroz e batata!!! Eu bem tento fugir, de vez em quando procuro e faço umas coisas diferentes, mas mais elaboradas e realmenteno dia-a-dia acabo por me conformar com estas 3 opções sempre mais rápidas e fáceis... Se bem que uns ovos mxidos são sempre rápidos e fáceis também :-)
    Gosto da junção que fazes nestes ovos, diferente do que costumo fazer mas que me agrada... Vou experimentar! Mesmo...

    Beijinhos*** e bom fim-de-semana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá vizinha! :)
      Pois é a falta de tempo às vezes leva-nos a ficar sempre nas mesmas receitas! :(
      Também sofro do mesmo às vezes.
      Um beijinho*

      Excluir
  3. Adoro ovos mexidos e esses tem tudo para me agradar
    Excelente aspecto
    bjs

    ResponderExcluir
  4. E verdade que is cuidados deveriam ser tidos em consideração ao longo da vida, mas mais vale tarde do que nunca. A tua sugestão para mim esta óptima. Sempre gostei de soluções saudáveis por isso para mi a reeducação alimentar nao e difícil de aplicar. Beijinhos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainda bem que ainda existem pessoas que conseguem seguir uma alimentação equilibrada. No meu caso bem sempre acontece.
      Beijinho

      Excluir
  5. Tanto que às vezes eu queria eliminar nem que fosse temporariamente esses acompanhamentos! Eu sou tão batateira, arrozeira, masseira!!! Não resisto! Pelo menos tento complementar com saladas que também é uma coisa que gosto muito. E o que eu gostei também foi desta nova rubrica que tu criaste, tenho a certeza que me vai inspirar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado! :)
      Eu também gosto disto tudo. Vamos ver no que vai dar.
      Beijinho

      Excluir
  6. Olá Sara!!!
    Depois que passei dos 30 anos, o meu metabolismo mudou de uma forma que só mesmo com uma reeducação alimentar seguida à risca para voltar ao peso que tinha antes. O duro pra mim é abrir mão dos carboidratos!
    Beijos e ótimo final de semana pra ti! =)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Para mim também é duro Andrea! :(
      Gosto tanto de comidinhas. ehehe
      Beijinho

      Excluir
  7. Pode ser um pratinho desses aqui para estas bandas!
    Nunca é tarde para começarmos a olhar mais por nós, parabéns pela iniciativa e força! :)
    Beijinhos
    Petiscana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Ana Filipa! :)
      Vamos ver no que vai dar. Ehehe.
      Beijinho*

      Excluir
  8. Recentemente com o whole30 também mudei bastante a alimentação, e gosto muito :D Como batatas, os outros não (no geral, claro que há exceções). Esse acompanhamento parece-me uma ótima alternativa :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O whole30 é uma grande aventura! :) :p
      Gostava de ter essa força.
      Obrigado. Um beijinho

      Excluir
  9. Isto deve ser uma maravilha!! :)

    ResponderExcluir