terça-feira, 23 de maio de 2017

Petisco de Moelas...amor-ódio, Portugal e os Portugueses!

Portugal, que sítio fantástico para se viver. Toda a riqueza, desde a gastronomia aos sítios a descobrir. Temos praia, temos campo. Temos bons pratos e conventuais sobremesas. Que orgulho poder dizer que sou Portuguesa.💕 Mesmo quando somos pequeninos, de espírito e de mente.

Vencemos o Europeu, o Salvador e a Luísa ganharam a Eurovisão. São detalhes que a meu ver nos levam no caminho do respeito. Portugal é desvalorizado. Por nós próprios que aqui vivemos também. Somos seres insatisfeitos por natureza e isso é óptimo quando nos dá força para fazer mais e melhor.

No meu ponto de vista, a vitória do Salvador representa muita coisa. É uma boa música com uma bonita letra. Mas é também a prova que "fazer a diferença faz diferença". Que sermos nós próprios numa sociedade tão acusadora tem valor. Tenho a certeza que cada um de vocês já sentiu pressões por parte da sociedade. E espero que interpretem o que quero dizer da melhor forma. Vamos ser mais racionais, apoiar e valorizar o que é nosso porque temos provas dadas do povo forte que somos. 😊

Mudando de assunto porque sei que nos últimos dias não se fala de outra coisa. Vamos a um petisco? Aqui em casa adoramos este petisco de moelas! Sei que muita gente não aprecia, é daqueles casos de amor-ódio. Mas como se pode resistir a uma coisa destas? São tenrinhas, o molho puxa o pãozinho e com uma bebida fresquinha ainda melhor. Acreditem em mim! É coisa que não falha. Por aí amam ou odeiam?

Um beijinho. Até breve. Comam bem! 😚
Petisco de Moelas

O que faz falta para 3:
1 kg de Moelas
1 fio de Azeite
1 colher (chá) de Manteiga
1 Cebola picada
3 dentes de Alho picados
1 folha de Louro
8 rodelas finas de Chouriço de Carne
6 colheres (sopa) de Polpa de Tomate
50 ml de Vinho Branco
250 ml de Água
1 pitada de Sal
Piri-piri qb.
1 ramo de Coentros frescos picados
Como Fazemos:
Começamos por arranjar as moelas. Lavamos e limpamos as moelas de gorduras. Cortamos as moelas maiores ao meio. Reservamos. 
Numa panela, colocamos a manteiga e o azeite. Deixamos aquecer um pouco até a manteiga derreter. Juntamos a cebola picada, os alhos e o louro. Refogamos. Quando a cebola amolecer adicionamos o chouriço e deixamos fritar ligeiramente. Por cima, colocamos as moelas arranjadas, temperamos com um pouco de sal e deixamos cozinhar por 5 minutos. Juntamos a polpa de tomate e o piri-piri. Mexemos bem. Regamos com o vinho branco e a água. Em lume brando cozinhamos durante 1 hora ou até a moelas estarem tenrinhas e o molho tiver engrossado. Mexemos de vez em quando e se necessário adicionamos mais um pouco de água. 
Desligamos o lume e perfumamos com os coentros picados. Servimos quente acompanhado com pão e batatas fritas.

6 comentários:

  1. Olá Sarinha tudo bem?
    Adorei as tuas moelas e tudo que falaste sobre nós povo Português somos grandes mas temos a mania de ser muito pequeninos como já falaste temos tudo boas praias boa comida e muito boa gente...um beijinho e resto de uma boa semana para ti e toda a tua família.

    ResponderExcluir
  2. Eu gosto muito, já o meu marido não gosta nada o que é miúdos! Estou completamente de acordo, temos tanta coisa boa e é pena que muitas vezes não valorizemos isso e estejamos só focados nas coisas menos boas.

    ResponderExcluir
  3. Gosto de moelas...e essas já iam!

    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderExcluir
  4. daquelas coisas que amo, petiscos e umas belas moelas com o pãozinho para raspar o molho, seja de inverno ou verão adoro petiscos em qualquer altura, essas moelas são uma sugestão ótima.


    Blog - O Cantinho dos Gulosos

    ResponderExcluir
  5. Adoro moelas! Estas estão perfeitas para um belo petisco!
    E concordo contigo, há que valorizar o que o nosso país tem de bom.

    ResponderExcluir
  6. Amo Sara!! Em dia de petiscos não pode faltar! Ai o pãozinho no molho... ai...
    Beijinho
    http://asreceitasdamaegalinha.blogspot.pt/

    ResponderExcluir